Por que apostar em inovação aberta no seu negócio?

voltar Publicado em 15 de março de 2021

Por que apostar em inovação aberta no seu negócio?

No Brasil, a prática da inovação aberta se disseminou largamente em grande parte das maiores empresas do país. Hoje, é cada vez mais difícil encontrarmos um líder de mercado que não tenha lançado programas do tipo. 

Muito disso, devido ao fato de que as empresas são boas em processos, têm eficientes controles de qualidade, possuem marcas reconhecidas, acesso a capital etc., mas tudo isso que elas fazem tão bem pode dificultar alguns tipos de inovação.

Já as startups, mesmo tendo tantas fragilidades, costumam ter mais agilidade, disposição para investir em tecnologias emergentes e se arriscar em novos mercados ou ainda propor modelos de negócio mais disruptivos.

No contexto da inovação, muitas vezes, as grandes empresas e startups se complementam.

Só nesse último ano de 2020, mais de 180 atores de ecossistema de startups lançaram serviços de apoio à prática no país. A quantidade de investimentos corporativos e M&A de startups também deu um salto enorme.

A inovação aberta representa uma verdadeira mudança no mindset de muitos empreendedores. Afinal, grandes negócios muitas vezes preferem guardar suas ideias como um segredo. Porém, a inovação aberta permite gerar valor à empresa por meio do compartilhamento de conhecimento.

Resumindo, trata-se de uma forma de inovação mais descentralizada e disruptiva. O foco é integrar diversas partes, para gerar valor à empresa e à sociedade.

De acordo com a pesquisa da 100 Open Startups 30.000 executivos de quase 3.000 empresas registraram perfis em busca de startups, e cerca de 200 dessas empresas lançaram quase 1.000 desafios e oportunidades de parcerias com startups.

Apenas em 2020, foram registradas, na plataforma 100 Open Startups, cerca de 2.000 empresas com novos relacionamentos de open innovation com 1.310 startups, totalizando mais de 13 mil relacionamentos de negócios, que movimentaram R$ 650 milhões no ano.

Na categoria de startups que faturam abaixo de R$ 10 milhões e que ainda não captaram rodadas de investimento acima de R$ 10 milhões. Juntas, essas startups superaram a marca de cerca de R$ 1,1 bilhão de faturamento no ano e estão buscando, para 2021, aproximadamente de R$ 1,5 bilhão em investimentos.

Sobre investimentos, o ventures capital no Brasil já supera a marca de R$ 10 bilhões de investimentos em 2020 e, com base nos dados e, pela quantidade de novos fundos captados crescimento do corporate venture capital, investimento anjo  e plataforma de crowdfounding pode-se estimar que estaremos próximos de 1.000 rodadas de investimento superiores a R$ 500 mil em 2021.

Os números não nos deixam mentir: o mercado de inovação aberta está em plena expansão e pode ser adotado como estratégia de qualquer negócio que queira se tornar mais competitivo e inovador.

Se interessou, mas não sabe por onde dar o primeiro passo? Nós da Neo Ventures trabalhamos com a execução e desenvolvimento de programas de inovação para empresas e podemos te ajudar.

Não deixe de ler também sobre os <tipos de inovação aberta existentes< e qual se adapta melhor ao seu modelo de negócio.

posts relacionados

FALE CONOSCO

Seja Nosso parceiro

Entre em contato

Trabalhe Conosco

Envie seu currículo

Neo Ventures 2018 - Todos direitos reservados

Desenvolvido por: