Conheça os 10 tipos de inovação

voltar Publicado em 2 de julho de 2020

Conheça os 10 tipos de inovação

Você certamente está se perguntando porque é importante conhecer e reconhecer os tipos de inovação que podem ser desenvolvidos dentro da sua empresa. Bem, existem pelo menos dois motivos. 

O primeiro motivo é que, ao conhecer os tipos de inovação, você pode incentivar sua organização e seus colaboradores a serem inovadores de uma maneira mais variada. Essa é uma vantagem competitiva importante, pois a maioria das empresas apenas atém-se a alguns dos tipos mais óbvios de inovação. O segundo motivo é que cada tipo de inovação tem suas próprias particularidades. Conhecê-los vai permitir que você tome decisões estratégicas mais assertivas em relação a cada um deles.

Segundo o norte americano Larry Keeley, fundador da empresa Doblin, existem mais de 10 tipos de inovação. O modelo de Larry se chama 10 TI, e ele faz questão de deixar claro que não existe uma sequência ou hierarquia entre os tipos de inovação. Veja a descrição de cada um dos tipos de inovação a seguir:

Inovação de modelos de Negócios

As inovações no modelo de negócios é quando a empresa consegue inovar encontrando outras maneiras de gerar lucro. Quer ver um exemplo? Quando os aplicativos para smartphone ainda eram novidade e nem todo mundo estava disposto a pagar por eles, alguém teve a ideia de obter lucro com anúncios nas versões “free”, gratuitas dos aplicativos. Essa foi uma inovação no modelo de lucro das empresas desenvolvedoras de aplicativos, que acharam uma maneira de obter receita mesmo quando não estavam de fato vendendo seu produto ao seu cliente.

Inovação de Network

As inovações de network dizem respeito a encontrar maneiras de criar conexões para produzir benefícios a todos os envolvidos. Atualmente, isso é cada vez mais comum. As empresas promovem parcerias em que as forças do parceiro permitem que você supere suas próprias fraquezas.

Mas as redes não precisam ser formadas entre empresas. Elas também podem ocorrer de maneira mais aberta, por exemplo, com profissionais autônomos. Isso faz parte das tendências de flexibilização do trabalho. Um bom exemplo são os serviços de mobilidade urbana, em que a empresa por trás do serviço forma uma rede com todos aqueles motoristas cadastrados em seu sistema.

Inovação de Estrutura

As inovações de estrutura estão relacionadas ao modo como a empresa dispõe dos seus vários ativos, sejam tecnológico ou humano. Assim, quando a organização desenvolve um novo programa para identificar talentos e desenvolver lideranças, está implementando uma inovação de estrutura. Quando ela cria uma campanha para reduzir consumo e desperdício de insumos de escritório também. 

Inovação de Processo

As inovações de processo estão entre as mais conhecidas. Elas estão no nível operacional, e podem ser traduzidas como inovações no modo como uma certa atividade é desenvolvida. Atualmente, a palavra de ordem em inovação de processo é lean, ou enxuto: as empresas buscam maneiras mais simples, livres de desperdício de tempo, esforço ou recursos, para produzir os mesmos resultados que seus concorrentes.

Inovação da Performance do produto

As inovações de desempenho de produto buscam trazer melhorias para o produto, reforçando sua proposta de valor, seus atributos ou sua qualidade. É esse tipo de inovação que você está vendo quando uma fabricante de equipamentos eletrônicos lança um novo computador que promete mais desempenho, ou quando uma montadora de automóveis coloca no mercado um carro que consome menos combustível, por exemplo.

Esses são exemplos grandes, mas toda empresa busca inovação de desempenho de produto, desde aquela que produz tampas de canetas até aquela que desenvolve tanques de guerra. E, claro, isso não se aplica somente às empresas que trabalham literalmente com fabricação: o mesmo vale para empresas de serviços, de comércio.

Inovação de Sistema de Produto

As inovações de sistema de produto dizem respeito às formas inovadoras como os produtos e serviços se conectam com um conjunto complexo que visa criar um sistema coerente e que gere valor para o usuário.

Talvez a Apple seja um dos exemplos mais claros, porque cada equipamento complementa o outro de uma maneira que produtos de outras empresas não podem fazer. Não é a toa que clientes da Apple, em geral, compram diferentes itens da marca. O conceito por trás desse tipo de inovação é simples, mas forte: o cliente tira o máximo de benefício do seu produto quando o utiliza em conjunto com outros produtos da sua empresa.

Inovação de Serviço

As inovações de serviços  se relacionam com a melhoria da utilidade, desempenho e valor aparente de uma oferta. Atualmente, a maioria das empresas fabricantes de produtos estão encontrando maneiras de inovar com serviços que aumentam o valor percebido por seus clientes. É aí que entram seguros especiais, garantias estendidas, suporte ao usuário, e assim por diante. Eles não são o item principal da compra, mas apresentam um papel importante ao melhorar a qualidade da experiência do seu cliente.

Inovação de Canal

As inovações de canal abrangem todas as maneiras inovadoras que a empresa conecta suas ofertas com seus clientes e usuários. A grande tendência dos últimos anos está no comércio eletrônico, que permite que qualquer pessoa tenha acesso aos produtos que deseja sem sair de casa. 

Porém, é justamente nesse cenário que as inovações em relação às lojas tradicionais podem ter ainda mais impacto. O principal exemplo recente foi o lançamento da Amazon Go, loja física da Amazon em que não há nenhum funcionário. O cliente entra, pega o que precisa, sai, e a cobrança é feita automaticamente no cartão de crédito registrado.

Inovação de Marca

As inovações de marca dizem respeito ao modo como o cliente vê sua empresa, buscando garantir que ele reconheça, se lembre e escolha o seu produto na hora de comprar. São as estratégias inovadoras dos pontos de contato entre a empresa e seus clientes. 

Quer um exemplo simples? O detergente é um produto geralmente vendido com a promessa de ser econômico. Porém, a Ypê fez uma inovação de marca ao focar suas propagandas no fato de que ela é uma organização preocupada com o meio-ambiente. Por isso, consumidores que têm uma forte consciência ecológica vão se lembrar da Ypê na hora de comprar detergente.

Inovação de Experiência do Cliente

As inovações de experiência do cliente buscam criar novas maneiras de promover a interação e o diálogo entre a empresa e os clientes. São os movimentos de inovação que buscam compreender as aspirações profundas de clientes e usuários para assim, gerar-lhes experiências.

Houve um tempo em que as redes sociais promoveram uma verdadeira revolução no envolvimento do cliente. Hoje, esse tipo de inovação exige uma ousadia ainda maior. A busca é por proximidade, pelo contato um a um, orgânico e autêntico.

Esses são os 10 tipos de inovação que Larry Keeley destaca. Todos são igualmente importantes e, portanto, você deve estimular seus colaboradores a encontrar maneiras de explorar todos eles. Quanto mais variedade houver na inovação, mais forte será sua vantagem competitiva.

posts relacionados

FALE CONOSCO

Seja Nosso parceiro

Entre em contato

Trabalhe Conosco

Envie seu currículo

Neo Ventures 2018 - Todos direitos reservados

Desenvolvido por: